JEM 2018: Portugal à frente da Espanha …

JEM 2018: Portugal à frente da Espanha …

Luís Sabino Gonçalves / Unesco du Rouet, Rodrigo Giesteira Almeida / GC Chopin's Bushi e Duarte Seabra / Fernhill Curra Quinn. Fotos (c) Tomas Holcbecher. DIREITOS RESERVADOS

A primeira classificativa do mundial de saltos de obstáculos registou resultados satisfatórios dos medalhados portugueses, Rodrigo Giesteira Almeida, Luís Sabino Gonçalves e de Duarte Seabra apesar de verem a equipa reduzida a 3 elementos.

O primeiro cavaleiro nacional em pista foi o debutante Rodrigo Giesteira Almeida de 25 anos, montando o KWPN GC Chopin’s Bushi (x Contendo) que ficou classificado em 74º lugar tendo penalizado quatro pontos na vala de água, enquanto Luís Sabino Gonçalves com o SF Unesco du Rouet (x Allegreto) ficou classificado em 82º, penalizando no oxer. Duarte Seabra com o ISP Fernhill Curra Quinn terminou em 111º lugar. Portugal contabilizou 26,03 pontos nesta primeira mão por equipas, colocando-se à frente da Espanha (31,07pts) e da Venezuela (63,67pts).

Dos 124 conjuntos que disputaram esta prova de velocidade e maneabilidade (Tabela C a 1,55m), composta por 14 obstáculos, 5 foram eliminados.

 

Steve Guerdat (SUI) / Bianca. Foto (c) FEI/Martin Dokoupil

O campeão olímpico (2012) Steve Guerdat ao vencer esta primeira classificativa montando a égua Bianca, contribuiu fortemente para colocar a Suíça no primeiro lugar provisório por equipas em Tryon. Vale a pena recordar que nos JEM da Normandia em 2014, uma recusa de Nino des Buissonnets na primeira classificativa atirou Guerdat para a 61ª posição. A Holanda campeã em título ocupa o segundo lugar à frente do Brasil e dos Estados Unidos, em quarto lugar.

A grande surpresa da jornada foram os resultados do brasileiro Pedro Veniss (Quabri de l’Isle) que ocupa o 2º lugar individual e do australiano Rowan Willis (Blue Movie) em 3º lugar e um forte candidato ao bronze.

Por equipas, a Austrália, França, Suécia, Alemanha, Colômbia e a Irlanda completam o Top 10 entre 25 equipas. Apenas as 6 melhores equipas deste Mundial carimbam o passaporte para os Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020.

Nesta quinta-feira (20/9) disputa-se a 1ª passagem à final por equipas e na 6ª feira os dez melhores países, decidem o pódio por equipas. No sábado (22) é dia de descanso e no domingo os 25 melhores conjuntos disputam a grande final individual.

Não perca no  Eurosport, a transmissão em directo e resumo das provas dos Jogos Equestres Mundiais  com comentários de António Frutuoso de Melo.

Resultados individual AQUI

Resultado por equipas

Ordem de Entrada – 20/09