«Santurion de Massa» retirado da alta competição

«Santurion de Massa» retirado da alta competição

Daniel Pinto / Santurion de Massa. (Foto de arquivo).

Segundo escreveu Daniel Pinto na sua página no Facebook, “Após meticulosa avaliação por parte da equipa veterinária, concluíu-se que Santurion de Massa de 15 anos, não reúne as condições necessárias para se manter ao seu mais elevado nível competitivo.”

Por esta razão, o cavaleiro olímpico Daniel Pinto, tomou a decisão de se retirar oficialmente da corrida para a conquista de um lugar na equipa que irá representar Portugal nos Jogos Olímpicos 2021.

“O Santurion de Massa faz parte da nossa família e brindou-nos com momentos de grande alegria e inúmeras conquistas nas pistas de dressage. O nosso objectivo é garantir a recuperação do cavalo.

Não encontramos palavras para expressar a nossa gratidão perante todo o apoio demonstrado pela comunidade equestre mundial após o nosso regresso da Alemanha. Iremos continuar a acompanhar o projecto Olímpico de perto – temos a certeza que a nossa nação será representada por uma equipa de cavaleiros notáveis e cavalos de grande qualidade. Que a sorte esteja connosco, temos a ambição certa e estaremos todos a torcer por Portugal!” concluiu Daniel Pinto.

Daniel Pinto com o PSH «Santurion de Massa» começou a participar em provas internacionais em Fevereiro de 2014. Alguns dos melhores resultados do conjunto foram no CDI3* de Alter do Chão a segunda posição no Grande Prémio e no GP Especial (74,587% e 76,362%) em Novembro de 2020. No CDI3* de Ponte de Lima (2018) venceram estas duas provas (71,587% e 72,298%).

No CDI3* de Toledo (2018) venceram o Grande Prémio e o GP Especial (73,152% e 74,319%) e no CDI-W de Estugarda (2017) alcançaram no Grande Prémio Freestyle 75,190%. Terminaram o Campeonato da Europa de Göteborg (Suécia) em 23º lugar (70.395% e 72,600%) em 2017 entre outros resultados expressivos.

Categorias: Dressage, Notícias