FEI retira Ouro por doping à Grã Bretanha

FEI retira Ouro por doping à Grã Bretanha

Harry Charles (GBR) / Vivaldi du Dom. Foto (c) Hervé Bonnaud

A Grã Bretanha perdeu as duas medalhas de ouro, por equipas e individual, conquistadas no Campeonato da Europa de Jovens Cavaleiros em Fontainebleau, França, porque o cavalo de Harry Charles acusou positivo para uma substância proibida.

O jovem Harry Charles foi desclassificado de todos os resultados do evento que teve lugar no último mês de Julho, o que significa que perdeu a sua medalha de ouro individual e o Reino Unido passou apenas a ter a medalha de prata por equipas como consequência do resultado do teste. O resultado foi causado pela transferência acidental de um creme para a pele utilizado por uma “parte inocente” que o utiliza para tratar o seu cancro de pele em estado avançado. O produto foi transferido para o cavalo Vivaldi du Dom quando lhe fez uma festa.

O castrado de 14 anos de idade acusou um resultado positivo para a substância de lidocaína, um analgésico tópico. O cavaleiro britânico ainda teve a opção de aceitar um procedimento administrativo ou de ir ao Tribunal da FEI, mas após a amostra B do cavalo também ter dado um resultado positivo para lidocaína, aceitou esta semana o procedimento administrativo.

Isto significa que vai ter que pagar uma multa de 1.500 CHF (€1.320) e custas do processo de 2.000 CHF (€1.765) para pagar o teste da amostra B, mas evita a sua suspensão das competições.

Fonte: Horse & Hound