CSIO5* Gijon: Portugal fica aquém das expectativas na Taça das Nações

CSIO5* Gijon: Portugal fica aquém das expectativas na Taça das Nações

A Taça das Nações (Divisão 2) do CSIO5* de Gijon (Esp) nesta sexta-feira (23) não podia ter corrido pior para a selecção portuguesa que terminou em último lugar com 42 pontos, entre 12 equipas.

 

Após o triunfo e o segundo lugar conquistados por Luciana Diniz (Vertigo du Desert) e Rodrigo Giesteira Almeida (GB Celine) nas provas grandes deste CSIO, ninguém podia antever um resultado tão negativo para a equipa que em Antenas conseguiu o apuramento para a final da Taça das Nações que vai decorrer entre 3 e 6 de Outubro no Real Club de Polo de Barcelona.

Tanto Rodrigo Giesteira Almeida (Gb Celine) como António Matos Almeida (Apache de Liam) estrearam as suas montadas nesta Taça das Nações, provavelmente reservando os seus melhores cavalos, Kafka Vd Heffinck e Irene van de Kwachthoeve, para o Grande Prémio no domingo (01/09). Unesco du Rouet de Luís Sabino Gonçalves, após inúmeras classificações expressivas este ano, (Roterdão, Atenas, Paris, Lisboa, Mannheim, St. Tropez, Sharjah entre outros) certamente estará a precisar de uma pausa, enquanto Luciana Diniz optou também por poupar Vertigo du Desert para o Grande Prémio.


PRÉMIO PARA O MELHOR ATLETA DO CSIO DE GIJON

Rodrigo Giesteira Almeida, considerado neste momento o segundo melhor atleta do internacional de Gijon (67pts), logo atrás da britânica Ellen Whitaker (73 pts).

A equipa portuguesa foi acompanhada pelo seleccionador nacional Antonis Petris e João Moura como Chefe de Equipa.

A Itália foi a grande vencedora da Taça das Nações de Gijon (6 pontos) seguida da Grã Bretanha com 8 pontos e da França que totalizou 9 pontos.

Resultados – Taça das Nações AQUI

Resultados completos