André Jordan fala de Vilamoura…

André Jordan fala de Vilamoura…

André Jordan

André Jordan, o fundador da Quinta do Lago, que criou o condomínio de luxo Belas Clube de Campo e renovou Vilamoura, mostra-se super ativo aos 83 anos.

Na sua recente entrevista (17/04) ao Jornal I afirmou:  ” … Portugal tem uma situação e momento único de ser uma plataforma internacional de grande importância, ainda que não seja uma coisa imensa, porque é um país pequeno. Temos a possibilidade de sermos uma fonte de serviços, de vida, de habitação e de negócios de uma elite média alta e alta da Europa e de outros países, do Médio Oriente e da China.

Na Quinta do Lago e em Vilamoura fizemos eventos que qualificaram aqueles empreendimentos, atraindo um tipo de cliente com grande capacidade económica. Por exemplo, o Vilamoura Champions Tour que decorre durante dois meses em Vilamoura, no Inverno, é algo que só traz gente rica e 700 cavalos. Hoje Vilamoura é uma cidade hípica, um segmento novo e é esse tipo de iniciativa que nós temos que desenvolver e financiar. O Estado deve deixar de se preocupar com a influência dos privados, e os privados têm que se deixar de preocupar que o Estado financie a promoção. Os privados devem juntar-se e pôr dinheiro nestes eventos de promoção sociocultural que atraia clientes com capacidade económica. E com isso virão as empresas atrás.

Portugal já é um país cosmopolita e internacionalizado, agora tem é que aprender a facturar sobre isso. E aí chego ao turismo. O turismo tem de atrair o turista influente, não podemos ser uma Disneylândia barata. …”

Categorias: Notícias, Sociedade