Real despede-se da competição

Real despede-se da competição

Especialmente quando se atinge a bonita idade de 18 anos, e ainda no activo, em Grande Prémio.

Raquel Falcão, cavaleira e proprietária do Real, anunciou que no próximo fim-de-semana o Real fará a sua derradeira participação em competição, escolhendo uma prova do Campeonato de Portugal de Dressage (CPD), na Sociedade Hípica Portuguesa, para oferecer ao público a última apresentação do Real em competição.

O Real foi comprado aos 4 anos por Carlos Falcão (pai da cavaleira Raquel Falcão). Foi debastado  no Casal de Santo André e montado por João Carvalho na Escola de Mafra.

O Real apresenta um currículo de mérito, onde consta: duas vezes campeão da Taça de Portugal em nível GP; quatro participações em Campeonatos Nacionais; várias classificações em concursos internacionais; reserva da equipa nacional para o Campeonato da Europa em 2015.

Raquel Falcão anunciou que “após a conclusão da sua carreira desportiva, o Real ficará dedicado à actividade de garanhão”.

O Real é um garanhão da raça Puro-Sangue Lusitano, idealizado e criado pelo saudoso Dr. Guilherme Borba. É filho do Hostil GUB (Zico x Vaidosa GUB por Formoso GUB) e da Nobreza GUB (Xaquiro CI x Vapra AR por Plebeu AR), e encontra-se pontuado com 72,5 PT (com nota de 8 em andamentos).

Raquel Falcão descreve-nos as principais características do Real:

Docilidade, capacidade de trabalho, calma e uma inegável beleza. Tem três andamentos equilibrados e um grande talento para os exercícios sobretudo de concentração, tendo demonstrado grande habilidade  para o piaffer desde tenra idade, sendo sem dúvida este o exercício em que é mais brilhante.

A Equisport deseja o maior sucesso para esta merecida e nova etapa da vida do Real!

Categorias: Dressage, Notícias