Provas hípicas foram os grandes destaques na 26ª Exposição do Lusitano

Provas hípicas foram os grandes destaques na 26ª Exposição do Lusitano

Apesar do frio intenso que se fez sentir, a XXVI Exposição Internacional do Puro Sangue Lusitano, que se realizou entre os dias 23 e 27 de Maio, no Clube Hípico de Santo Amaro (CHSA), na zona sul da capital Paulista, movimentou o desporto equestre nacional.

Como o Cavalo Lusitano possui grande aptidão desportiva e os criadores apercebem-se cada vez mais desse talento, realizaram-se várias provas de Ensino, Equitação de Trabalho e de Saltos que foram aplaudidas com entusiasmo pela assistência.

No Ensino Clássico, modalidade em que o Puro Sangue Lusitano (PSL) mais se tem destacado, inclusive internacionalmente, as provas tiveram lugar no Sábado (dia 26), divididas em 12 categorias diferentes. Nesta modalidade, o Lusitano criado no Brasil Nirvana Interagro e montado por Pia Aragão irão defender a bandeira Brasileira no Pan Rio 2007.

Destaque para a performance do conjunto Rogério Clementino e Nilo VO, representantes da Coudelaria Ilha Verde, que atingiram a média de 66,250% e venceram a prova na série Forte II. Rogério e Nilo ainda lutam pela vaga de reserva na equipa brasileira de Ensino no Pan.

Também realizada no sábado, mas na pista principal, a Copa ABPSL – Haras Leopoldina de Salto movimentou os amantes de um dos desportos equestres mais praticados no Brasil. Com disputas que variaram de 0,80m até 1,20m, o concurso de saltos de obstáculos foi muito equilibrado. Para encerrar a Copa de Saltos, os conjuntos encararam a emocionante Prova de Valores, vencida por José Francisco Borges que montou Príncipe HM, criação do Haras Modelo e propriedade do Haras Leopoldina.

Com três dias de prova e mais de 70 inscrições, nas provas de ensino, maneabilidade e velocidade, a Equitação de Trabalho deu um verdadeiro espectáculo de versatilidade nas pistas da XXVI Exposição Internacional do Puro Sangue Lusitano. Na prova de Velocidade, onde o exigente percurso deve ser percorrido da forma mais rápida possível, o grande vencedor foi Luís Carlos de Oliveira com Represa do Top (criador Top Agropecuária), líder do ranking nacional de cavaleiros de Equitação de Trabalho.

Foram distribuídos cerca de 44 mil reais em prémios entre provas morfológicas e funcionais, além de dezenas de troféus em bronze e laços.

As apresentações do Volteio e Atrelagem também surpreenderam o público.