Morreu “Xaquita” de Hugo Pereira

Morreu “Xaquita” de Hugo Pereira

Morreu na tarde de sábado (29/10) a égua Lusitana “Xaquita” (Quixote por Xaquiro e Nasa por Zelador – Criador Monte da Ravasqueira) propriedade do cavaleiro de dressage Hugo Pereira.

“Xaquita” começou por ter sintomas de intoxicação na sexta-feira, dia 21 de Outubro, quando começou a ser assistida por uma equipa de veterinários, que foram incansáveis, até ao final do dia de ontem. A causa da morte está para ser apurada pelas autoridades competentes, mas a principal suspeita recai sobre uma ração fornecida por uma empresa especializada. Na tarde de sábado foi feita uma necrópsia no Laboratório Nacional de Investigação Veterinária em Lisboa.

“Xaquita” era um dos cavalos com mais potencial na dressage e com as maiores expectativas. Montada por Hugo Pereira, trabalhava diariamente a nível S.Jorge / Grande Prémio, onde iria debutar brevemente. Os seus embriões eram facultados por alguns criadores importantes e já tinha contratos para os próximos anos.

Conquistou triunfos na Taça de Portugal e Critérios de Cavalos Novos, entre outras competições nacionais, além de brilhantes prestações internacionais como na Rota do Sol em Vejer de la Frontera, sendo que a sua última prestação foi no Festival Internacional do Puro Sangue Lusitano em Lisboa, onde conquistou a medalha de ouro na descendência de Garanhão Quixote, seu pai.

Categorias: Dressage, Notícias