Japão admite, pela primeira vez, que o cancelamento dos Jogos Olímpicos é uma hipótese

Japão admite, pela primeira vez, que o cancelamento dos Jogos Olímpicos é uma hipótese

Os Jogos Olímpicos têm vindo a ser adiados desde o verão do ano passado e tinham arranque previsto a 23 de julho.

Esta quinta-feira, num programa de televisão, o número 2 do Governo japonês reconheceu que, caso a situação epidemiológica se complique, não haverá outra opção que não a de cancelar.

Uma sondagem divulgada esta segunda-feira mostra que mais de dois terços dos japoneses é favorável a um novo adiamento ou ao cancelamento dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, adiados para este verão devido à pandemia de covid-19.

Depois do fim do estado de emergência no país, decretado em janeiro, o Japão tem registado novamente um crescimento do número de casos de covid-19. Especialistas defendem que se trata de uma quarta vaga de infeções potenciada pelo aparecimento de novas variantes do vírus.