Incrível, mas verdade – «Explosion W» foi vendido

Incrível, mas verdade – «Explosion W» foi vendido

Ben Maher (GBR) / Explosion W. Foto (c) Stefano Grasso

O cavaleiro britânico Ben Maher anunciou na noite passada que o seu “crack” Explosion W, foi vendido!

Dois dias após a sua vitória no Super Grande Prémio de Praga (GCT), o britânico confirmou que o seu fantástico Explosion W foi vendido a Pamela Wright e Charlotte Rossetter. Porém o cavalo vai continuar a ser montado pelo vice-campeão da Europa.

Esta época, Explosion W montado por Maher, conquistou a final do Global Champions Tour, foi medalha de bronze por equipas e prata individual no Campeonato da Europa de Rotterdam, bem como inúmeros importantes triunfos que fizeram escalar o seu valor em flecha. Consequentemente, o proprietário deste excepcional lazão, de 10 anos, filho de Chacco Blue, Neil Moffitt da Poden Farms, recebeu várias propostas para a sua aquisição, e felizmente para Maher, a melhor proposta veio de Pamela Wright e Charlotte Rosseter que assim permite continuar a montar Explosion.

Um belíssimo presente para este atleta nas vésperas de Natal, a poucas semanas da data de transferências e registo de cavalos para os J.O. de Tóquio 2020!

O principal motivo prende-se com o facto de cavalos inscritos nos Jogos Olímpicos, terem de partilhar a mesma nacionalidade que o cavaleiro inscrito. De acordo com os regulamentos da FEI (Art.606.2.2), o registo de transferência é feito impreterivelmente, até 31 de Dezembro de 2019.