Gilles Bertran de Balanda rescinde contrato com a FEP

Gilles Bertran de Balanda rescinde contrato com a FEP

Gilles Bertran de Balanda (FRA)

Segundo o site Jumpinews: o francês Gilles Bertran de Balanda, rescindiu o seu contrato como treinador da equipa portuguesa de saltos de obstáculos.

Balanda, ocupava este cargo desde o final de 2019, respondendo favoravelmente ao pedido de João Moura, vice-presidente da federação e com a ambição desportiva de colocar a equipa nacional de saltos de obstáculos de novo na linha da frente entre as nações que competem na disciplina.

Enquanto o campeão mundial por equipas em 2002, em Jerez de la Frontera, Balanda estava a trabalhar para criar a coesão da equipa com cavaleiros experientes organizando estágios no início deste ano, quando o presidente da FEP apresentou a sua demissão em Julho com a consequente perda de mandato dos restantes órgãos sociais que tinham sido eleitos para o quadriénio 2019/2022.

Como explicou o ex cavaleiro francês, “Compreenderão que, nestas condições, não posso continuar a colaborar com a FEP sem saber o que acontecerá. Estou desapontado com a reviravolta dos acontecimentos, mas passei a idade de assumir a liderança por este tipo de coisas. Decidi, por isso, acabar com o meu compromisso com a Federação Equestre Portuguesa.”