CDI3* Cascais: Centro Hípico da Costa do Estoril com balanço “muito positivo”

CDI3* Cascais: Centro Hípico da Costa do Estoril com balanço “muito positivo”

Mado Pinto (FRA) / Rafael du Coussoul de la Gesse . Fotos (c) Rui Pedro Godinho.

Balanço positivo para o Centro Hípico da Costa do Estoril e Dressage First na organização dos dois concursos internacionais de Dressage este ano, em que nada foi deixado ao acaso, tendo recebido 40 participantes em representação de França, Finlândia, Rússia, Itália, Irão, Marrocos, Espanha e de Portugal. Esta organização tem boas razões para estar feliz com o resultado desta segunda edição do evento.

Foram alcançados resultados promissores pelos atletas nacionais, neste início de época nos dois CDI3* que decorreram de 1 a 4 e de 7 a 10 de Março.

Carla de la Fuente (ESP) / Fay

No segundo CDI3*, em Young Riders, e sem surpresas, o triunfo voltou a pertencer ao cavaleiro português Martim Meneres que conquistou o 1º e 2º lugares com os cavalos Gucci Plus e Equador (70,392% e 70,098%) na sexta-feira (Young Riders Team), alternando no sábado (YR Individual) as posições vencendo com o Lusitano Equador (x Peralta) e ocupando o 2º lugar do pódio com Gucci (70,981%). São médias realmente boas para um jovem cavaleiro que ocupa o 5º lugar do ranking mundial de Young Riders com Equador. A espanhola Carla de la Fuente ocupou a 3ª posição nos dois dias, montando a égua Fay (68,333%, 70,147% ). No domingo, na Kur Young Riders, a francesa Mado Pinto quebrou a hegemonia, vencendo com o Lusitano Rafael du Coussoul de la Gesse com a excelente média de 72,027%. Yoann Pinto (Por) foi segundo classificado com o Lusitano Douro (x Rubi AR), enquanto Carla de la Fuente voltou a ocupar o terceiro lugar com Fay (70,850%) numa reprise que contou com 9 participantes e a desistência de Martim Meneres com Equador.

Isabelle Pinto (POR) / La Gesse Hot Chocolate VD Kwaplas

No Small Tour, a francesa Isabelle Pinto registou o seu quinto triunfo nestas jornadas com o cavalo belga La Gesse Hot Chocolate VD Kwaplas, vencendo o Prix St. Georges e Intermediária (69,941% e 69,794%) numa prova que contou com quatro participantes.

A cavaleira russa, Irina Zakhrabekova com o PRE Armas Balago II venceu a Intermediária A e B nos dois dias (67,382% e 68,500%). Ricardo Reis, com o garanhão Lusitano Escorial (x Spartacus) ocupou o 2º lugar em ambas as reprises (65,412% e 67,350%) enquanto a francesa Laure Clémentin Simonnet foi terceira classificada com Donna Arentina no sábado e domingo (65,117% e 65,900%).

O pódio do Grande Prémio e do GP Especial voltou a ser dominado pelos cavaleiros nacionais, pertencendo o triunfo a João Miguel Torrão com o garanhão Lusitano Equador (x Quo Vadis) que pontuou 69,391% e 69,426%, nos dois dias. Carlos Pinto foi segundo classificado no GP montando o Lusitano La Gesse Sultao Menezes (69,065%), seguido de Rodrigo Torres com Fogoso (68,152%).

Boas prestações de Miguel Ralão Duarte que no GP Especial ocupou o segundo e terceiro lugares com os Lusitanos Xenofonte d’Atela (68,234%) e Distúrbio (67,234%).

No Grande Prémio Freestyle apenas com 2 participantes, venceu Carlos Pinto com La Gesse Sultao Menezes com a pontuação final de 72,290%, enquanto Rodrigo Torres com Fogoso obteve 71,675%.

Nos Póneis, a italiana Lisa Bartz com Derano B, venceu as duas jornadas (72,667% e 70,631%).

Resultados completos AQUI

Categorias: Dressage, Notícias