A destreza de Simão Beja…

A festa brava que arrancou ontem em Samora Correia, ficou marcada com dois adeptos feridos na primeira entrada de toiros com campinos. Outro momento de tensão, ocorreu após a queda do campino Pedro Gil, quando conduzia o touro pelas ruas da vila, ficando o cavalo exposto a uma possível investida do touro. A população respirou de alívio, quando o jovem de 16 anos de idade Simão Beja do Porto Alto, saiu da multidão e montou o cavalo evitando que este fosse colhido pelo touro. “Na altura não pensei em nada senão em salvar o cavalo”, disse Simão. O gesto valeu ao jovem um forte aplauso da população.

Categorias: Notícias, Sociedade