Como escolher um bom cavalo de desporto?

Como escolher um bom cavalo de desporto?

Os cavalos são animais magníficos, exemplo de força e sensibilidade na natureza. Mas são animais que exigem muito dos donos, não só em termos de tempo e dedicação, mas também em termos financeiros.

Comprar um cavalo de desporto exige uma grande responsabilidade. Não só requer dinheiro suficiente, mas também tempo e dedicação à longo prazo. Por isso, na altura de escolher um cavalo, é fundamental observar vários pontos e tomar a melhor decisão.

O trabalho de escolha deve ser realizado de forma sistemática, analisando cada um dos traços do exemplar equino. Esta inspeção abrange toda a anatomia e fisiologia do animal, conforme a modalidade para a qual vai ser utilizado, e o equilíbrio de membros anteriores e posteriores.

Para as competições desportivas e apostas em Betway apostas online é necessário avaliar e especificar com precisão as qualidades e limitações do animal antes de o escolher, disso dependerá em grande parte os resultados desportivos. Quando se trata de selecionar um bom equino, com atributos competitivos, deve-se ter em conta o seguinte:

Raça

A raça é vinculativa no momento da escolha, e deve ser considerada de acordo com a utilidade ou modalidade que o cavalo executará. Algumas raças determinam a aptidão e o comportamento do animal, isto significa que devemos acertar escolhendo aquele que tenha os atributos adequados à tarefa que lhe será atribuída.

Sexo

Há um dilema entre escolher uma fêmea ou um macho para competições desportivas e apostas em Betway. O garanhão deve receber um tratamento individualizado, caso seja escolhido para um determinado desporto. Recomenda-se aplicar técnicas para o seu maneio adaptadas ao temperamento do exemplar escolhido. Também, deve-se analisar a atitude fisiológica e ver como este se manifesta perante a aproximação de uma égua em cio.

Idade

A idade é um factor muito importante quando nos preparamos para escolher um atleta equino. Previamente deve-se conhecer com precisão a idade do exemplar antes da compra. Os especialistas reconhecem a idade do cavalo pelos dentes nos primeiros cinco anos. Os cavalos novos são ideais para o trabalho e para o desporto.

Cada espécime equino apresenta aptidões diferentes em função da sua raça, durante a sua avaliação deve considerar-se a aptidão que apresenta para efectuar um determinado trabalho ou desporto.

A beleza pode ser atraente do ponto de vista visual, mas se não tiver um bom temperamento, aptidão, ou capacidade para o desporto para o qual será designado, não obterá nem o nível competitivo, nem o rendimento esperado.

Antecedentes

É importante conhecer as origens do cavalo, especialmente se for escolher um exemplar de raça pura. Aproveite o tempo para verificar os a sua linhagem.

Se o cavalo está na idade madura, analise as características dos seus descendentes diretos, neste caso os filhos. O estudo genealógico pode revelar aspectos essenciais do exemplar, e determinar defeitos genéticos hereditários que podem ter consequências no rendimento e reprodução do animal.

Deve-se também ser amplamente cuidadoso na escolha porque um exemplar com defeitos genéticos transferirá estas imperfeições aos seus filhos. O ideal é escolher cavalos com excelentes qualidades e aptidões herdadas de um ou vários cavalos antecessores.

O objetivo é manter e refinar os atributos do equídeo para transmitir as suas capacidades, condições e qualidades aos seus descendentes. Pesquise tudo sobre os antecedentes do cavalo e a sua participação em eventos desportivos, analise os resultados que teve em competições, e verifique se o seu desempenho e aptidão na disciplina desportiva são aceitáveis.

Conformação

Visualizar a conformação do cavalo de um ponto de vista geral, analisando a simetria, o tamanho e a forma. É importante determinar a correcta conformação entre a massa óssea e a musculatura.

Se observar o animal no seu conjunto poderá dar-se conta da força, equilíbrio, energia e resistência que possui quando participar em provas.

Categorias: Actualidade, Artigos