Vimeiro: Ricardo Gil Santos ganha a prova grande da primeira jornada

Vimeiro: Ricardo Gil Santos ganha a prova grande da primeira jornada

Seis provas disputadas ao cronómetro marcaram o arranque do 35º Concurso de Saltos Nacional A e C do Vimeiro, a decorrer no Centro Hípico do Ô Hotel Golf Mar.

Até ao dia 04 de setembro o Vimeiro reúne a nata dos cavaleiros nacionais de saltos de obstáculos.

A pista clássica do complexo hípico foi a anfitriã do Concurso de Saltos Nacional A, com a prova ao cronómetro com obstáculos a 1,20m. Hugo Cardoso Tavares montando Lidelio Marine foi o vencedor, num percurso sem faltas, concluído em 65,02s. As restantes posições cimeiras foram ocupadas, respetivamente, por Francisco Vaz Fontes e Zidane, com 66,84s, sem faltas; Martim Portela Morais e Sphinx de Sande, com um tempo de 67,94s; e por Rodney Jongschaap com Con Leon, (86,00s). Ivo Carvalho ocupou a quinta posição, numa prova que contou com 18 conjuntos a concurso.

A tarde prosseguiu com Duarte Seabra e AHG Whiterock Cruise Dow, a isolar-se no primeiro lugar na prova Turismo do Centro, disputada ao cronómetro, 1,30m, com um tempo de 69,82s e sem quaisquer faltas registadas. Com pouca margem de manobra para os restantes 23 binómios, foi o conjunto Hugo Cardoso Tavares e Concorde da Anobra quem conseguiu chegar mais perto e alcançar o segundo lugar, tendo terminado o percurso com 70,66s. A terceira posição foi conquistada por António Frutuoso de Melo com Chassana, terminando o percurso em 71,11s.

A prova Delta Cafés, Cavalos Novos 6 anos, Tabela A sem cronómetro, 1,30m partilharam o primeiro lugar Pascal Davide Fatien, com Kitona de Muze, e Bernardo Prazeres Carvalho, com Fello Ryal K. Felipe Guinato, montado em Katana ter Damme, classificou-se em terceiro lugar.

A terminar o primeiro dia de competição, a prova Linhas de Torres Vedras, ao cronómetro, com obstáculos a 1,40m, contou com a participação de 16 conjuntos com reconhecidas trajetórias na Pista Clássica do Vimeiro, como João Chuva, António Frutuoso de Melo, Marina Frutuoso de Melo, Hugo Cardoso Tavares e Duarte Seabra. O lugar mais alto do pódio foi conquistado pelo binómio Ricardo Gil Santos e Zucchero, que concluiu o percurso sem faltas em 64,35s. A segunda posição foi alcançada por João Maria Maquilhas e W Diva Rosa MFS que registou 66,24s. O pódio ficou completo com o conjunto Martim Portela Morais e Sea Coast Dali, que terminou a prova em 67,56s.

O Concurso de Saltos Nacional C teve início com a prova Louros, Tabela A ao cronómetro e obstáculos a 1,00m, consagrando um pódio exclusivamente feminino. Sem faltas, Constança Alves com Uriel du Chanois garantiu uma vitória segura, concluída em 63,63s. Francisca Vaz Guedes e Saga Meraniere, obteve a segunda posição com 76,10s e Joana Santos Paz, com Xeque II, foi terceira classificada.

Na prova Correio da Manhã, disputada também ao cronómetro (1,10m), Jorge Escudeiro foi o vencedor (74,29s). Montado Illuster D, este jovem cavaleiro registou apenas uma diferença de centésimo de segundo para o binómio Eduardo Moniz da Maia e Canaris 35, que ocupou a segunda posição. A volta de honra ficou completa com Vasco Escudeiro e Gaspari 45 que alcançaram o terceiro lugar do pódio.

Jorge Escudeiro / Illuster D

O 35º Concurso de Saltos Nacional do Vimeiro decorre até 4 de Setembro, dia em que se disputa o Grande Prémio Ô Hotels & Resorts, numa prova de duas mãos ao cronómetro, julgada pela Tabela A, com obstáculos a 1,45m, que encerrará a temporada de competição hípica no Vimeiro.

RESULTADOS COMPLETOS AQUI