SPRING MET II 2018: Suiço Pius Schwizer salta para a vitória no Grande Prémio

SPRING MET II 2018: Suiço Pius Schwizer salta para a vitória no Grande Prémio

Pius Schwizer (SUI) / Chidame Z. Foto (c) Hervé Bonnaud.

O Spring METII 2018 terminou neste domingo, com o triunfo de Pius Schwizer no Grande Prémio (1,50m) montando Chidame Z.

Alinharam 57 conjuntos neste Grande Prémio (Gold Tour) traçado pelo alemão Christian Wiegand, formado por 13 obstáculos e 16 esforços, que incluía a vala de água e um triplo (oxer-oxer-vertical). Ficaram apurados 15 conjuntos para o desempate que foi muito disputado entre o top 3, onde a diferença entre o primeiro e o terceiro classificado foi de apenas de 10 centésimos de segundo.

No desempate o vencedor, Schwizer, registou 43,23s enquanto o segundo classificado, o belga Hendrik Denutte em Don Flamenco vd Kranenburg (Flamenco de Semilly x Kannan) registou 43,30s também sem faltas. O italiano Alberto Zorzi, penúltimo a sair para o desempate, foi terceiro classificado com Contanga 3 registando 43,33s batendo o francês Simon Delestre e Filou Carlo Zimequest que ocupou o quarto lugar (44,01s). O seu compatriota Maelle Martin fechou o top 5 montando com Carreau of Greenhill Z (Clintissimo Z x Caretino) 47,24s.

Feliz com o seu triunfo Pius Schwizer afirmou depois da prova, “…O percurso estava muito bem desenhado, suficientemente grande e incluía tudo. Tenho evitado colocar pressão sobre a Chidame nos desempates mas hoje tentei apertar com ela. A égua tem correspondido muito bem no Spring MET, tendo saltado 12 rondas incluindo desempates, sem penalizações. Habitualmente Chidame regista percursos limpos”, afirmou o suíço, orgulhoso da sua montada que ficara classificada em quarto lugar no Grande Prémio (CSI2*) no domingo anterior.

Resultados do G.P. AQUI