Prótoiro presta homenagem ao forcado Pedro Primo

Prótoiro presta homenagem ao forcado Pedro Primo

Num momento de luto para a tauromaquia, a Prótoiro – Federação Portuguesa de Tauromaquia lamenta profundamente a morte do forcado dos Amadores de Cuba e presta solidariedade aos seus familiares.

Pedro Primo contava 25 anos e no passado dia 2 de Setembro, numa corrida realizada em Cuba, onde se despedia das arenas, sofreu uma lesão grave quando tentava pegar um touro. Transportado posteriormente para o hospital de Beja, o estado de saúde agravou-se. Foi helitransportado para o Curry Cabral em Lisboa, sendo operado por uma equipa médica liderada por Eduardo Barroso.

Orson Welles afirmou que “os toureiros são actores a quem acontecem coisas de verdade”. Para esse confronto com a realidade é necessário coragem, superação e abnegação, qualidades associadas à cultura tauromáquica.

Os forcados exercem a sua arte de forma gratuita e sabendo que estão a arriscar a própria vida. Essa entrega à tauromaquia merece o respeito de todos e, nesta altura em especial, uma homenagem sentida a quem ficará para sempre associado à defesa de uma das mais nobres representações da cultura portuguesa.

PR

Categorias: Notícias, Tauromaquia