Philippe Rozier regressa ao Atlantic Tour para preparar os seus cavalos

Philippe Rozier regressa ao Atlantic Tour para preparar os seus cavalos

Philippe Roizier / Quartz Rouge

Durante seis semanas passa por Vilamoura a elite da equitação. Philippe Rozier vem ao Vilamoura Atlantic Tour pela terceira vez, à espera de voltar a ter sorte.

“O ano passado saltei com um cavalo aqui pela primeira vez, 1.10m e 1.20m. Seis meses depois ganhámos a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos. É uma história incrível”, confessa o cavaleiro francês.

Philippe Rozier que ocupa a nª89 posição no ranking mundial Longines, esteve presente nos Jogos Olímpicos do ano passado no Rio de Janeiro, ajudando a equipa francesa a sagrar-se campeã olímpica ao conquistar a medalha de ouro na prova por equipas.

O cavaleiro francês, de 54 anos, é presença habitual no Vilamoura Atlantic Tour. No ano passado a competição que se realiza no Algarve serviu como preparação para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

A pensar nos Campeonatos da Europa deste ano e Campeonato do Mundo de 2018, Philippe Rozier regressa a Vilamoura. “A minha prioridade são as provas de Ranking. Depois gosto de Vilamoura para preparar os cavalos novos”.

O atleta francês diz sentir-se descontraído quando está em Vilamoura. Aproveita a competição algarvia para experimentar o seu novo cavalo. “Tenho o garanhão SF Quartz Rouge há apenas um mês. Saltei aqui pela primeira vez com ele e fiz um percurso limpo. Estou muito confiante”.

Philippe Rozier está no Algarve com nove cavalos. Quer aproveitar ao máximo as condições do Vilamoura Atlantic Tour 2017. “As pistas são óptimas, a começar pelos seus percursos. As provas internacionais de 3 estrelas não são fáceis, o que para mim é importante”.