Isabell Werth conquista a quarta FEI Taça do Mundo de Dressage 2018 (VÍDEO)

Isabell Werth conquista a quarta FEI Taça do Mundo de Dressage 2018 (VÍDEO)

Pódio (E-D): Laura Graves EUA (Prata) Isabell Werth ALE (Ouro) e Jessica von Bredow-Werndl ALE (Bronze) Foto: FEI/Christophe Tanière

A olímpica alemã, Isabell Werth, confirmou o seu favoritismo este sábado, ao conquistar a sua 4ª Taça do Mundo de Dressage em Paris.

Após o Grande Prémio (a prova de abertura), ter sido ganho pela sua rival, a americana Laura Graves com Verdades (81,413 %), Isabell Werth montando a égua Weihegold Old conseguiu a sensacional pontuação de 90,657%, no Grande Prémio Freestyle tornando-se no único conjunto a superar os 90% nesta prova. Laura Graves (EUA) foi segunda classificada com Verdades (89,082%) enquanto a alemã Jessica von Bredow-Werndl ocupou of terceiro lugar com Unee BB (83,275%).

Werth, vencedora de quatro finais da FEI Taça do Mundo de Dressage (Gotemburgo (SUE) 1992, Las Vegas (EUA) 2007, Omaha (EUA) 2017) e Paris, manifestou-se feliz depois da prova afirmando: “Weihegold foi fantástica hoje; estava em grande forma e a corresponder bem. Estávamos mais concentradas do que durante o Grande Prémio na sexta-feira e foi certamente a melhor reprise Freestyle com música que executámos até agora. Claro que existia uma pressão enorme, mas competir contra os melhores cavaleiros é sempre motivador. Esta final foi memorável com uma entusiástica adesão do público.”

Laura Graves (EUA), segunda classificada com Verdades, afirmou: “Como é que em 4 anos cheguei a este nível de competição? Uma boa pergunta… Estudei e observei atentamente outros cavaleiros de topo, especialmente Isabell Werth, mas sem o talento do meu cavalo Verdades nada disto seria possível. A reprise Freestyle que apresentamos é recente (Dezembro 17), tornou-nos mais competitivos. Batemos a nossa marca pessoal!”

Jessica von Bredow-Werndl (ALE), terceira classificada com Unee BB nesta final comentou: “Fui a última da ordem de entrada, sentindo uma enorme pressão, que foi também uma fonte de motivação: tentar montar o melhor possível e bater o olímpico sueco Patrik Kittel, que ocupava o 3º lugar provisório com a excelente pontuação de 83,146%. Estou muito orgulhosa do meu cavalo Unee BB de 17 anos”.

Resultados AQUI

 

Categorias: Dressage, Notícias