CSI5*Cascais: Nicola Philippaerts salta para a vitória no Grande Prémio Longines (VÍDEO)

CSI5*Cascais: Nicola Philippaerts salta para a vitória no Grande Prémio Longines (VÍDEO)

Nicola Philippaerts (BEL) / H&M Harley vd Bisschop. Fotos (c) Stefano Grasso

O belga Nicola Philippaerts, foi o brilhante vencedor do Grande Prémio Longines (CSI5*) da 8ª etapa do LGCT que decorreu no Hipódromo Manuel Possolo em Cascais, com um desempate de cortar a respiração. A 6ª prova da 8.ª etapa deste circuito teve como prize money €300 mil.

Chegou ao fim mais uma edição do Longines Global Champions Tour Cascais. A 8ª etapa do maior circuito mundial de hipismo terminou, após 3 dias, com a sensacional vitória de Nicola Philippaerts, montando H&M Harley vd Bisschop. Philippaerts, de 24 anos, terminou o seu desempate em 39 segundos e 57 centésimos. Com esta vitória o jovem belga recebeu €99 mil em prize money e assegurou um lugar na Grande Final em Praga no final da temporada (13 a 16 de Dezembro).

No segundo lugar do pódio ficou o seu compatriota Gregory Wathelet – vencedor da 1ª classificativa da Longines Global Champions League e da 4ª prova do LGCT -, com Mjt Nevados S, terminando o percurso do desempate em 40,93s. O espanhol Eduardo Alvarez Aznar e Rokfeller de Pleville Bois Margot completaram o pódio (41,36s). Danielle Goldstein, vencedora do Grande Prémio no ano transacto, ficou às portas do pódio em quarto lugar com Lizziemary, enquanto Philip Houston foi quinto classificado com Chalanda.

Luciana Diniz e Lennox o único conjunto português apurado para o desempate, fechou o Top Ten, com 4 pontos em 66,02s, após ter derrubado o duplo.

PARIS PANTHERS VENCEM NO GLOBAL CHAMPIONS LEAGUE EM CASCAIS

No Hipódromo Manuel Possolo, assistiu-se também no sábado, à vitória da equipa Paris Panthers, composta por Darragh Kenny e Gregory Wathelet. A disputa pelo primeiro lugar da segunda classificativa da prova Global Champions League foi muito disputada, sagrando-se vencedora a equipa Paris Panthers que penalizou 4 pontos (130,01s). Em segundo e terceiro lugar classificaram-se, respectivamente, os Scandinavian Vikings, com 4 pontos (132,98s), e os London Knights, com 8 pontos (127,17s).

Após o Grande Prémio e na tradicional conferência de imprensa, o vencedor do Grande Prémio referiu estar bastante satisfeito com a vitória e, quando questionado sobre Gregory Wathelet, afirmou: “Conhecemo-nos e damo-nos muito bem. No entanto, não posso deixar de mencionar que é sempre bom ganhar a um cavaleiro como o Gregory”.

Jan Tops, presidente do Longines Global Champions Tour realçou, na conferência de imprensa, que este foi um desempate muito disputado. Já para Duarte Nobre Guedes, presidente do CSI Cascais, afirmou que este ano houve uma dificuldade acrescida, uma vez que o evento foi antecipado um mês e o vento não deu tréguas ao longo dos três dias. No final, o presidente do Concurso de Saltos Internacional de Cascais acabou por concluir que ficou satisfeito com o resultado final e que este foi um óptimo evento, tal como tem acontecido em anos anteriores.

Resultados Grande Prémio – AQUI

Resultados completos