CSI3* Vilamoura: Laura Renwick guardou o melhor para o fim (VÍDEO)

CSI3* Vilamoura: Laura Renwick guardou o melhor para o fim (VÍDEO)

Laura Renwick / Bintang II. Foto (c) One Shot

A edição 2017 do Vilamoura Champions Tour terminou este domingo, com as duas provas mais emblemáticas, o Grande Prémio e o “Ladies World Trophy” ganhas pelas amazonas Laura Renwick e Karina Aziz cujas prestações não deixaram margem para dúvidas.

A britânica Laura Renwick com o cavalo KWPN Bintang II ganhou o, muito disputado, último Grande Prémio do CSI3*. Foi, naturalmente, o conjunto mais rápido no desempate (36,08s), relegando para o segundo lugar o francês Reynald Angot com a égua SF Symphonie des Biches a uns escassos 11 centésimos de segundo (36,19s). O brasileiro Luiz Felipe de Azevedo Filho com o garanhão Chacito completou o pódio (36,20s).

Laura Renwick com Bintang II venceu dois dos quatro Grandes Prémios deste circuito, tendo por isso amealhado 13.650€, além de outros prémios pecuniários por ter vencido mais algumas provas.

O melhor português em pista foi Martim Portela de Morais que terminou na 19ª posição com Inco van den Bisschop, tendo penalizado 5 pontos na primeira mão.

Dos oito conjuntos que disputaram o desempate, seis terminaram com duplos percursos sem faltas. Nove conjuntos optaram por retirar na primeira mão e um foi eliminado.

KARINA AZIZ CONQUISTA O “LADIES WORLD TROPHY”

No sábado, a canadiana Karina Aziz venceu a prova reservada às amazonas “Ladies World Trophy”, com a égua belga Fleur Roosters Van Betz. Karina recebeu como prémio um automóvel Smart For Two e o prize money de €500. As britânicas Alex Rident (Come Back) e Harriet Nuttall (Silver Lift), ocuparam o segundo e terceiro lugares. A melhor prestação nacional foi de Marina Frutuoso de Melo que se classificou em 9º lugar com Grupo Prom Calabis, tendo penalizado 8 pontos no desempate.

Dos 36 conjuntos que alinharam nesta prova, apenas 10 ficaram apurados para o desempate, onde apenas dois conjuntos terminaram sem penalizações.

A jornada de sábado (14) registou também vitórias de Luís Sabino Gonçalves (POR) com Teck de Riverland na prova de 1,40m, de António Matos de Almeida (POR) com Ulena Mail (1,35m) e de Reynald Angot (FRA) no Pequeno Grande Prémio com Virevolt (1,20m).

Na jornada de sexta-feira (13), registaram-se as vitórias dos cavaleiros portugueses, António Frutuoso de Melo (Ananaz) na prova de 1,35m, de Francisco Rocha (Caspar CB) (1,30m) e de Martim Portela de Morais (Sphinx de Sand) na prova de 1,20m.

Com um prize money total de 538 mil euros, o evento incluiu 4 Grandes Prémios de 3 estrelas como provas qualificativas para os Jogos Equestres Mundiais de 2018. Do total de 100 provas, 15 contaram para o ranking mundial Longines FEI.

O Vilamoura Champions Tour 2017 teve como principais patrocinadores a Caixa de Crédito Agrícola, Turismo de Portugal/Algarve, Câmara Municipal de Loulé e Microprocessador. Contou ainda com as parcerias de Hotel Hilton Vilamoura, Four Seasons Vilamoura, Hotel Anantara Vilamoura Resort, Lonevity Cegonha Country Club, Inframoura, Hertz, IPDJ e o Grupo Alexander Lehel.

Os concursos de saltos regressam de 13 de Fevereiro a 1 de Abril de 2018, com o Vilamoura Atlantic Tour, organizado igualmente pelo Clube Hipico de Vilamoura.

Resultados  Grande Prémio AQUI

Resultados completos