CPEDI*** Deauville: Atletas de Paradressage partem amanhã rumo ao Internacional em França

CPEDI*** Deauville: Atletas de Paradressage partem amanhã rumo ao Internacional em França

Pela primeira vez quatro conjuntos, da Academia Equestre João Cardiga, vão competir no CPEDI3* (International Para-Equestrian Championship) dedicado aos atletas portadores de deficiências físicas, que decorre de 31 de Março a 2 de Abril 2017 em Deauville – França.

A cavaleira bi-paralimpica Sara Duarte, com Daxx, no grau 2, Inês Alemão Teixeira, com Lycomede, no grau 3 e os estreantes Constança Claro, com Nervo, no Grau V e João Castelo, com Oposta de Foja, no grau 2, serão acompanhados pelos Treinadores João Monteiro e João Cardiga.

Sob o alto patrocínio dos Jogos Santa Casa e com o apoio da FEP-Federação Equestre Portuguesa, esta participação nacional tem como principais objetivos;

Qualificar as cavaleiras internacionais Sara Duarte e Inês Alemão Teixeira, para o campeonato da Europa e obter a classificação funcional dos atletas Constança Claro e João Castelo. Esta classificação deverá ser efetuada pelos fisioterapeutas do IPEC.

Para o Chefe de Equipa, João Cardiga:

– “Este é mais um grande desafio da Academia, sobretudo tendo consciencia da inexperiência da maioria dos atletas. Apenas a Sara tem experiência neste genero de competição e, mesmo ela, está a recomeçar do zero com um novo cavalo, o Daxx. Mas, há muito que persistimos no desenvolvimento da disciplina e um dos objetivos tem sido aumentar número de atletas em competições internacionais. Mesmo sabendo que ainda não reunimos todas as condições necessarias, acreditamos que temos como missão prosseguir corajosamente, ao lados destes atletas. Para que o Sonho continue…”.

Os atletas levam, também, definidos os seus objetivos.

Constança Claro, que monta Nervo, e compete no grau 5 afirma que: – “Os meus objetivos para este concurso são; Obter o cartão com a classificação funcional do IPEC, melhorar as minhas notas a nível individual, conhecer outros concorrentes e contribuir, também, para as notas da minha equipa”.

Inês Alemão Teixeira, com Lycomede a competir no grau III diz que: – “O Meu objetivo é melhorar o meu ranking pessoal e, se possível, de subir no pódio.
Eu e o Lycomede vamos dar o melhor para representar a nossa nação e demonstrar a nossa paixão.”

João Castelo, com Oposta de Foja no grau II lembra que; “Para treinar, desloco-me 200 km, porque vivo longe do meu Clube. Mas mesmo assim, faço o impossível para conseguir um lugar nesta equipa. Como estou a iniciar-me na competição, os meus objetivos principais são; Aprender, conhecer a concorrência e, se possível, subir no pódio.”

Por ultimo, Sara Duarte, a cavaleira bi-paralimpica que constitui a “bandeira” da Equitação Adaptada em Portugal, que vai estrear-se com o novo cavalo Daxx, no grau II, afirma que; “ Como estou ainda a conhecer e adaptar-me ao meu novo companheiro Daxx, o meu desejo é superar as marcas que temos tido a nível nacional, a fim de obter qualificação para o campeonato da Europa.”

Categorias: Dressage, Notícias